Coisas de Natal

Uma mulher foi às compras de Natal com suas duas crianças. Depois de muitas horas olhando filas e filas de brinquedos e tudo o mais; e depois de horas ouvindo suas crianças pedirem tudo o que viam pela frente, ela finalmente conseguiu chegar viva ao elevador.

Ela se sentia como a maioria de nós nos sentimos nesta época do ano. Uma esmagadora pressão para ir a cada festa, experimentar todos os banquetes, conseguir o presente perfeito para cada pessoa em nossa lista de compras, assegurarmo-nos de não termos esquecido qualquer um em nossa lista de cartões e a pressão de ter certeza de ter respondido à todos que nos enviaram um cartão.

Finalmente as portas do elevador se abrem e já há uma multidão lá dentro. Ela se empurrou pra dentro, arrastando com ela as suas duas crianças e todas as sacolas. Quando as portas se fecharam ela, não agüentando mais, disse,
– Quem começou toda esta coisa de
Natal deveria ser encontrado, pendurado e enforcado!

Do fundo do elevador, todos puderam ouvir uma voz tranqüila e calma responder,
– Não se preocupe, nós já o crucificamos.

Pelo resto da viagem do elevador poderia se ouvir a queda
de um alfinete.

Este ano, não se esqueça de manter aquele que começou toda esta coisa de Natal em cada um de seus pensamentos, atitudes, palavras e compras.

Se todos assim fizermos, imagine como este mundo poderá ser diferente, faça parte dessa diferença.
(…)

Fonte: http://programadoxologia.blogspot.com via Tempo Ativo

Anúncios

Sobre Valéria Andrade


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: